Vereador Vagner pede atenção redobrada as obras prometidas

por Rita Cordeiro publicado 15/05/2018 08h15, última modificação 19/06/2018 11h42
Vereador Vagner pede atenção redobrada as obras prometidas

VER. VAGNER LUÍZ DE SOUZA (Koelhinho)

Na 15° Reunião Ordinária, do dia 15 de maio de 2018, o Vereador Vagner Luíz de Souza afirmou que pelo fato dos vereadores serem muitos, eles estão em vários lugares e ouvem reclamações constantes, mais que o prefeito e disse que quer algumas respostas.

Reclamou que tem uma retroescavadeira que está parada há um ano, por falta de operador, no “Bebe Água” e se fosse fazer uso da máquina estaria também empregando pessoas e o pequeno agricultor. Disse que poderiam fazer um convênio com o Codap ou Amalpa, pois é um bem de R$250 mil.

Afirmou - “Em Sta. Quitéria, um agricultor para vender seu gado teve que pagar as pessoas para tampar os buracos da estrada dele. A zona rural está uma desordem. Todo dia tem reclamação.

Ver. Vagner quer também notícias das casas populares, se foi feito o cadastro, se deu certo ou não. Disse que votaram em regime 160 num terreno, na Av. Contorno Norte e quando é perguntado na rua não sabe responder.

E em relação aos pequenos agricultores e pequenos comerciantes. Sobre a balança da prefeitura somo pode ser usada ou o que está sendo feita com ela e sobre pessoas que estão desabrigadas e precisam de transporte para suas mudanças. “Vamos olhar isso com carinho”.

Quer saber - “A ligação da Nova Plataforma ao Campinho. Segundo Ver. Vagner a Viação Profeta faria uma linha entre estes bairros, caso terminassem a obra. “Isto é para o bem das crianças e de todos da comunidade”.

“O viaduto do Pires já tem seis anos que vai sair. A MRS está fazendo todo mundo de bobo, em Congonhas. Estou sabendo que vai desapropriar algumas casas e quais seriam. Já tem projeto aprovado e o viaduto não sai, correndo o risco de atravessar na BR040. A passarela sei que vai sai.

Falou sobre a saúde mental, que fica perto da igreja São José. "Se for o espaço é inadequado, com escadas íngremes. Tem que olhar a acessibilidade. Acho que a prefeitura tem que ter um cuidado na hora de alugar um imóvel”.

Foi condolente com o colega - Vereador Edonias, na questão da crítica recebida e complementou dizendo que poucos secretários os respeitam.

Fonte: Rita Cordeiro/Assessoria de Imprensa/CMC

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.